Nesse vídeo os jovens Felipe e Gustavo da Paróquia São José Operário de Londrina – PR convidam todos os adolescentes e jovens para a 1ª VIGÍLIA JOVEM ARQUIDIOCESANA que será realizada do dia 11 a 12 de outubro de 2023. A vigília inicia na quarta feira, 11 de outubro, com a Santa Missa as 22h e a programação de louvor, pregação, animação, teatro e adoração ao Santíssimo Sacramento segue até as 05h do dia 12 de outubro, quinta feira. Um forte momento de espiritualidade e renovação espiritual para essa caminhada jovem no seguimento a Jesus, nosso Senhor. Além de toda a organização com segurança, teremos também uma praça de alimentação e até um ambiente para descanso. Tudo sendo preparado com carinho para esse momento único de encontro e adoração a Cristo na Eucaristia, pão da vida eterna. Organize seu grupo, convide seus amigos e familiares e participe dessa grande e forte vigília. “Coração em chamas”, vamos lá juventude.

1ª VIGÍLIA JOVEM ARQUIDIOCESANA
Dia 11/10/2023 as 22:00
PARÓQUIA SÃO JOSÉ OPERÁRIO
R. Ruy Virmond Carnascialli, 486 – Londrina – PR 

Setor Juvenil

Na noite desse sábado, 09 de setembro, os (as) coordenadores (as) de grupos de adolescentes e jovens das comunidades paroquiais do Decanato Oeste de nossa arquidiocese se reuniram para um momento de partilha sobre a caminhada de evangelização e também para se organizar e planejar as atividades agendadas a nível decanal e arquidiocesano. Entre as alegrias do decanato estava o surgimento de mais dois grupos no decanato, um grupo de adolescentes e outro de jovem em diferentes paróquias. Um momento de ação de graças a Deus pela presença da juventude que traz entusiasmo e criatividade para a Igreja. O Pe. Dirceu Reis, assessor arquidiocesano, também participou da reunião e ofereceu algumas orientações principalmente aos grupos paroquiais autônomos.

Nessa reunião também foi dividida algumas tarefas importantes para a primeira Vigília Arquidiocesana que será realizada no dia 11 de outubro a partir das 22h na Paróquia São José Operário. Para essa vigília que se encerra às 05h do dia 12 de outubro todos os adolescentes e jovens da Arquidiocese de Londrina estão convidados. A Paróquia São José Operário fica na Rua Ruy Virmond Carnascialli, 486 no Jardim Leonor em Londrina e o evento é gratuito e contará com praça de alimentação. 

Setor Juvenil

Missa presidida pelo arcebispo dom Geremias reuniu 80 peregrinos nessa segunda-feira, 24 de julho, sob a intercessão de Nossa Senhora da Visitação e São João Paulo II

Faltam poucos dias para a Jornada Mundial da Juventude (JMJ) Lisboa 2023, que acontecerá entre os dias 1º a 6 de agosto, em Portugal. Milhares de jovens do mundo inteiro são esperados para este grande evento, onde encontrarão o Papa Francisco e viverão uma experiência de fé, crescimento e comunhão, inspirados no tema: “Maria levantou-se e partiu apressadamente” (Lc 1, 39).

Na noite de segunda-feira, 24 de julho, na Paróquia São José Operário, Decanato Oeste, foi realizada a Santa Missa de envio dos jovens da Arquidiocese de Londrina para a Jornada Mundial da Juventude. Cerca de 80 jovens participaram da celebração presidida por dom Geremias Steinmetz, nosso arcebispo. Em sua homilia o arcebispo destacou o significado e a riqueza cultural e religiosa de um evento dessa proporção. “Olhar para a universalidade da Igreja enriquece o coração de alegria e esperança. Nessa jornada os jovens são convidados a ouvir e entender a mensagem de Jesus em Sua Palavra e gestos, pois a juventude é um lugar teológico”, disse o arcebispo.

A maioria dos jovens que participaram da celebração pertencem ao Caminho Neocatecumenato presente no decanato. Os familiares dos jovens peregrinos estiveram presentes. O padre Dirceu Reis, pároco e assessor do Setor Juvenil, assim como o Frei Wainer, padre Valdomiro e padre Sérgio, concelebraram. Um momento bonito de unidade e fortalecimento da caminhada cristã desses jovens em direção a Lisboa.

A Jornada Mundial da Juventude (JMJ) é uma peregrinação, uma festa da juventude, uma expressão da Igreja e um momento forte de evangelização do mundo juvenil. É também um convite a uma geração determinada em construir um mundo mais justo e solidário iluminado pelos ensinamentos de Jesus.

Ao final da celebração foi realizada a oração de envio pela intercessão de Nossa Senhora da Visitação, os jovens foram aspergidos com água benta e receberam, das mãos de dom Geremias, uma medalha de São João Paulo II, criador da Jornada Mundial da Juventude no ano de 1985. Antes da bênção final o padre Dirceu desejou a todos uma viagem feliz e segura confiando os jovens à proteção de São João Paulo II para que alcancem graças nessa peregrinação e testemunhem essa alegria em suas comunidades.

Fotos: Paulo Henrique Bonatti

Nas paróquias

Paróquias da arquidiocese também celebraram missas de envio dos jovens à Jornada Mundial da Juventude. No dia 23, padre Sérgio Cezar Rodrigues de Moraes Junior presidiu a Santa Missa de envio dos jovens da Paróquia Nossa Senhora da Piedade, Decanato Oeste, concelebrada pelo pároco frei Wainer Queiroz FMM.

Fotos: Pascom Paroquial

Também no domingo, dia 23, dom Geremias presidiu a missa de envio da Paróquia São Vicente de Paulo, Decanato Centro. Participaram jovens das paróquias São Vicente de Paulo, Nossa Senhora Auxiliadora, Santana e Coração de Maria.

Fotos: Claudio Nonaca

Também no dia 23, padre Laurindo Lopes presidiu a missa de envio na Capela Nossa Senhora do Paraíso, da Paróquia Nossa Senhora do Rosário, Decanato Leste.

Fotos: Pascom Paroquial

Setor Juvenil

Na noite dessa quarta-feira, 19 de julho, na Paróquia São José Operário, Decanato Oeste, foi realizada a Santa Missa de um mês de falecimento dos jovens Karoline Verri Alves e Luan Augusto, mortos em um atentado no Colégio Helena Kolody, em Cambé (PR). O casal de jovens era estudante do ensino médio, namorados e atuantes na comunidade paroquial onde participavam do grupo de jovens, celebravam assiduamente os sacramentos da Confissão e da Eucaristia e eram vicentinos, no atendimento material às famílias carentes.

A mãe de Karoline, a sra. Keller Verri Alves, e o pai do Luan, o sr. Rodrigo Augusto, e demais familiares e amigos, participaram da celebração presidida pelo padre Dirceu Reis, pároco. Muitos adolescentes e jovens também marcaram presença na Santa Missa. Durante a homilia o padre destacou a necessidade dos cristãos, sobretudo os jovens, cultivarem no coração o desejo alegre de responder ao convite para a santidade. “Nada poderá nos separar do amor de Deus. Estar na igreja é um caminho fecundo para nos prepararmos para a maior alegria: ver a Deus tal como Ele é. Nisso consiste a esperança cristã. O exemplo dos jovens Karoline e Luan nos ensina que não há idade, não há barreiras e justificativas suficientes para não cultivar a vida de santidade pelos sacramentos, pelo amor a Deus e o amor ao próximo. Na Igreja, o mais importante não é ser ministro, cantor ou coordenador. O mais importante é ser santo. Por isso, ter a juventude na Igreja é uma alegria, sinal de santidade e motivo de louvor”, disse o padre, que também é assessor do Setor Juvenil.

O Setor Juvenil da Arquidiocese de Londrina reconhece publicamente a virtuosa trajetória de vida dos jovens Karoline Verri Alves e Luan Augusto, ao mesmo tempo a santidade do namoro e a participação deles na comunidade cristã e nos sacramentos. Por isso os considera exemplos e intercessores dos jovens de toda a arquidiocese.

Ao final da celebração a mãe da Karoline e o pai do Luan deram um bonito e emocionante testemunho de fé, partilharam a caminhada do luto e agradeceram profundamente as orações e a solidariedade de toda a comunidade católica. O Papa Francisco ensina que o Senhor nos fala para estarmos preparados para o encontro, pois a morte é um encontro: é Ele quem vem nos encontrar, é Ele quem vem nos pegar pela mão e nos levar até Ele. Por fim, após esse momento de agradecimento, os dois foram homenageados pela comunidade paroquial por meio das crianças com uma música, abraços, flores e presentes. Um gesto simples para expressar nossa solidariedade e intercessão.

Setor Juvenil

Fotos: Kacieli Caroline Mendes – Pascom Paroquial

“Eu não morro, entro na vida”
Sta. Teresinha do Menino Jesus, Lettre

O Setor Juvenil da Arquidiocese de Londrina reconhece publicamente a virtuosa trajetória de vida dos jovens Karoline Verri Alves e Luan Augusto, ao mesmo tempo a santidade do namoro e a participação deles na comunidade cristã e nos sacramentos. A poucos dias de sua morte, Karoline Verri Alves recebeu o sacramento da Reconciliação com seu pároco. O próprio padre testemunha a compreensão de Karoline sobre a graça recebida que a preparou verdadeiramente para a visão beatífica. O jovem Luan Augusto recentemente recebeu o sacramento do Crisma, quando recebeu o Espírito Santo para ser fortificado na sua vida interior de fé, encorajado e animado para a profissão externa da mesma, isto é, o apostolado.

Diante da assustadora violência que gerou a morte desses dois jovens, o padre Dirceu Reis, assessor do Setor Juvenil, convocou uma jornada espiritual onde todos os grupos de adolescentes e jovens devem rezar o Santo Terço e a adoração ao Santíssimo Sacramento pelo descanso eterno dos jovens e o conforto e consolo de suas famílias. “A jornada espiritual deve seguir até a próxima segunda-feira, 26 de junho de 2023. Os jovens unidos em oração, rezando uns pelos outros, um gesto de fé e solidariedade”, afirmou o padre.

Os jovens Karoline Verri Alves e Luan Augusto já são reconhecidos como intercessores e inspiração para a juventude da Arquidiocese de Londrina. “Karoline e Luan, jovens católicos da cidade de Cambé – PR, viveram assim a santidade: abraçando com entusiasmo a sua vocação, gastaram-se pelo Evangelho dentro da Igreja, descobriram uma alegria sem par e tornaram-se reflexos luminosos do Senhor na história da comunidade, dos amigos e de seus familiares. Um santo ou uma santa é isto: um reflexo luminoso do Senhor na história. Tentemos fazê-lo também nós: não está fechado o caminho da santidade, é universal, é uma chamada para todos nós, começa com o Batismo, não está fechado o caminho. Tentemos também nós, a exemplo de Karoline e Luan, porque cada um de nós é chamado à santidade, a uma santidade única e irrepetível”, disse o padre Dirceu Reis.

A santidade é sempre original, como dizia o Beato Carlos Acutis: “não há santidade de fotocópia, a santidade é original, é a minha, a tua, a de cada um de nós. É única”. Sim, o Senhor tem um plano de amor para cada um, tem um sonho para a tua vida, para a minha vida, para a vida de cada um de nós.

O Setor Juvenil avalia, com discernimento e esperança, a solicitação para um processo diocesano de reconhecimento da santidade desses dois jovens, estudantes, namorados e fiéis. Nesse momento o mais importante é a oração: “dai-lhes Senhor o descanso eterno e que brilhe para eles a vossa Luz. Amém.”

“A novidade essencial da morte cristã está nisto: pelo Batismo, o cristão já está sacramentalmente ‘morto em Cristo’, para viver de uma vida nova; e, se morrermos na graça de Cristo, a morte física consuma este ‘morrer com Cristo’ e completa, assim nossa incorporação a ele em seu ato redentor”. (CIC 1010)

Setor Juvenil

Na próxima terça-feira, 20 de junho, irmã Angela Soldera, SJBP, coordenadora da Animação Bíblico-catequética da arquidiocese, embarca para Roma para participar do Capítulo Geral da Congregação das Irmãs de Jesus Bom Pastor, a Congregação das Irmãs Pastorinhas. O encontro de 24 de junho a 16 de julho terá como tema: “Formar comunidades integradas missionárias e vocacionais”.

Realizado de seis em seis anos, é uma assembleia que avalia a caminhada da congregação, planeja a ação pastoral para o próximo sexênio e elege a nova coordenação geral. Participam o governo geral; as provinciais; e as delegadas indicadas por cada província. Irmã Angela é uma das duas delegadas indicadas pela Província do Rio Grade do Sul, a qual pertence. Neste ano também participarão algumas irmãs como observadoras do capítulo. Ao todo serão 30 religiosas do mundo todo. “Será uma soma de riquezas estar junto das diferentes nacionalidades, experiências e caminhada das irmãs espalhadas pelas diferentes nações”, destaca a irmã.

A programação começa com cinco dias de retiro e as atividades do capítulo no dia 29 de junho, festa de São Pedro e São Paulo, padroeiros da congregação. Questões internas e temas como a sinodalidade, a cultura do encontro e a realidade do clericalismo também serão abordadas no capitulo. “Uma das questões fundamentais que será debatida é, enquanto irmã pastorinha, como viver o carisma pastoral dentro do contexto de mundo, sociedade e Igreja que vivemos hoje”, explica a irmã Angela.

O carisma da congregação é atuar diretamente nas paróquias e dioceses, colaborando com o trabalho pastoral, ligado à catequese, liturgia, grupos bíblicos, juventude e no serviço de caridade: “no que a Igreja precisa e que nós podemos contribuir. O carisma especifico é a colaboração com o zelo pastoral dos pastores da Igreja”, explica.

Para irmã Angela é um momento de graça pela primeira vez participar de um capítulo da congregação. “É um dom de Deus e ao mesmo tempo uma responsabilidade grande. Estou indo com a expectativa e o espírito de serviço, porque é um momento de contribuir mais diretamente com a congregação”, afirma a irmã.

Na ausência da religiosa, os trabalhos da catequese na arquidiocese seguirão normalmente, com atendimentos às quartas e quintas da secretária Inês Cardoso. “O trabalho não vai parar, a equipe de coordenação, as decanas já estão organizadas”, informa irmã Angela.

Juliana Mastelini Moyses
Pascom Arquidiocesana

Foto: Guto Honjo

Nos dias 29 e 30 de julho, Londrina recebe o evento PHN, com a presença de missionários como padre Adriano Zandoná e irmã Ana Paula, CMES.

Os ingressos estão à venda na Livraria Dom Geraldo (43-98810-7772) e pelo link: https://www.sympla.com.br/phn-londrina-2023__1997188

Horários

Sábado (29): das 12h30 às 22h.

Domingo (30): das 8h às 17h.

São três modalidades de convites:

Setor Área Comum: R$60,00

Setor Frente Palco: R$100,00 

Plano Família (3 convites da área comum): R$150,00 

Também serão vendidas camisetas, que podem ser adquiridas junto com o convite!

Informações: (43) 98810-7772

Nesse vídeo o arcebispo metropolitano de Londrina, dom Geremias Steinmetz convoca todos os (as) coordenadores (as) e vice coordenadores (as) de grupos de adolescentes e jovens da Arquidiocese de Londrina para a Assembleia Arquidiocesana do Setor Juvenil que será realizado no 03 de junho de 2023, sábado, a partir das 14h30 no auditório do Centro de Pastoral Jesus Bom Pastor. No vídeo o arcebispo envia seu abraço e sua benção a todas a lideranças juventude da Igreja de Londrina.

Centro de Pastoral Jesus Bom Pastor
Rua Dom Bosco, 145 – Londrina – PR

Setor Juvenil
Arquidiocese de Londrina

Na tarde do último sábado, 11 de março, no auditório da Paróquia São Vicente de Paulo foi realizada a primeira reunião de 2023 com os (as) coordenadores (as) de grupos autônomos de adolescentes e jovens. Um trabalho de acompanhamento do Setor Juvenil com os grupos de adolescentes e jovens que não são vinculados a pastorais ou movimentos juvenis. Uma experiência bonita de fortalecimento e organização da caminhada desses grupos que vivem a realidade de suas comunidades paroquiais com criatividade e alegria. O encontro teve como tema: “A espiritualidade do coordenador” e foi conduzido pelo coordenador arquidiocesano do Setor Juvenil, o Nayron Niero. Juntamente com a coordenadora arquidiocesana dos grupos autônomos, Vanessa Cruz, percebeu-se a necessidade de refletir sobre esse tema central na vida e no trabalho dos coordenadores. A fim de que a experiência de coordenador possa favorecer o amadurecimento da fé e do seguimento a Jesus. Um encontro muito importante e saudável para o trabalho dessas lideranças juvenis.

A próxima reunião com os (as) coordenadores (as) de grupos autônomos será no sábado, dia 16 de setembro de 2023, às 14h30 no auditório da Paróquia São Vicente de Paulo.

SetorJuvenil

Foto: Guto Honjo

Jornada Missionária da Juventude é a maior concentração de jovens católicos da arquidiocese

A Catedral Metropolitana de Londrina será palco, neste domingo, 23 de outubro, da 4ª Jornada Missionária da Juventude. O evento comemora o Dia Nacional da Juventude (DNJ), promovido anualmente em todas as dioceses do Brasil como espaço de valorização do jovem na Igreja. Em Londrina, a expectativa é reunir cerca de 2 mil jovens e adolescentes de 16 cidades da região para uma tarde de louvor, oração e formação.

O evento inicia às 14h e contará com a presença de dom Amilton Manoel da Silva, bispo de Guarapuava e referencial da Juventude da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). E encerra com a Santa Missa, às 17h, presidida pelo arcebispo dom Geremias Steinmetz.

Neste ano, o tema da jornada “Cristo vive! É Ele a nossa esperança e a mais bela juventude deste mundo” é extraído da Exortação Apostólica Christus Vivit, do Papa Francisco. Um momento para celebrar a unidade da evangelização da juventude expressada na riqueza de carismas, movimentos e pastorais juvenis na arquidiocese.

Setor Juvenil
Coordenação

Foto destaque: 2ª JMJ outubro de 2018, Foto Luiz Vianna