A reflexão da Festa deste ano tem sua base na proposta apresentada pelo Papa Francisco para a Igreja nos próximos anos: “comunhão, participação e missão”.

Na Catedral Metropolitana serão realizadas quatro celebrações: às 8h, às 10h30, às 15h e às 18h. O Vigário da Catedral, padre Wendel Perre dos Santos abre a programação com a missa das 8h, que contará com o toque do Coral Santa Cecília – com seus 85 anos de tradição na cidade – e a presença dos Ministros Extraordinários da Sagrada Comunhão (MESC) de toda arquidiocese.

O ponto alto do dia será às 10h30 com a missa solene presidida pelo arcebispo metropolitano, dom Geremias Steinmetz. Para esse momento, são esperados todos os padres e diáconos que compõem o clero da arquidiocese, além da participação massiva de seminaristas, religiosos e todo o povo de Deus. Autoridades Municipais, Estaduais e Federais também já confirmaram presença. “Este é o momento mais aguardado durante o ano por toda a comunidade católica da nossa cidade. Dentro da experiência sinodal que estamos vivenciando com o Papa Francisco, vamos estar todos participando em comunhão aqui na Igreja Mãe, a nossa Catedral do Coração” – pontua o Cura da Catedral, padre José Rafael Solano Durán, sobre o Dia de Oração pela Santificação do Clero. A celebração promete ser emocionante e será abrilhantada com um Coral composto por vozes vindas de diversas comunidades, tendo transmissão pela Rádio Alvorada.

Durante a tarde, como já é tradicional de todas as sextas-feiras do ano, às 15h, o Apostolado da Oração (Rede Mundial de Oração do Papa) participa da Santa Missa presidida pelo assessor do movimento, padre Paulo Henrique Alencar. Nesta data em especial são esperados os quase 5 mil membros do Movimento de todas as 83 paróquias da arquidiocese.

Ao final da tarde, a programação deste dia festivo se encerra às 18h com a “Missa Jovem”, presidida por padre Dirceu Júnior dos Reis, assessor do Setor Juvenil. A celebração contará com a presença de milhares de jovens e adolescentes dos diversos grupos de toda região.

FEIJOADA SOLIDÁRIA

Tendo em vista a proporção grandiosa da festa e a antecipação necessária para organização – devido à instabilidade sanitária – a comunidade optou por uma quermesse no modelo drive-thru para maior segurança de todos. A “Feijoada do Padroeiro” será realizada no Domingo, dia 26 de Junho. Cada porção custa R$50 (servindo até 4 pessoas). Os convites podem ser adquiridos na Secretaria da Catedral, ao lado da Livraria Dom Geraldo. A retirada será no estacionamento – no subsolo da Catedral – das 11h até às 15h. “Uma feijoada no almoço de domingo, ainda mais com esse friozinho, cai muito bem! Restam pouquíssimos convites! Vamos juntos com uma boa comida celebrarmos a Festa do nosso Padroeiro e também ajudarmos as obras de revitalização da nossa Catedral.” – conclui o Cura, Padre Rafael.

Catedral Metropolitana de Londrina

Foto: Terumi Sakai

Acompanhe as missas no Dia do Padroeiro Sagrado Coração de Jesus

No próximo domingo, dia primeiro de maio, a Paróquia São José Operário, no Jardim Leonor, traz aos fiéis uma programação em honra ao padroeiro dos trabalhadores: São José Operário. Serão três missas ao longo do dia: às 7h30, presidida pelo arcebispo dom Geremias Steinmetz; às 9h30, presidida pelo pároco, padre Dirceu Júnior dos Reis; e às 19h, presidida pelo padre Ademar Lorrenzzetti; com bênção das carteiras de trabalho. Após a missa das 9h30, ocorre a tradicional carreata pelas ruas do Jardim Leonor e bênção dos carros em frente à paróquia.

A partir das 14h a paróquia promove show de prêmios no valor de R$30, com premiações como fogão, bicicleta e Smart TV de 42”.

A quermesse do padroeiro ocorre no dia anterior, sábado, 30 de abril, a partir das 17h no pátio da igreja. Será vendido cachorro quente, lanche natural, pastel, doces, bebidas e brincadeiras para as crianças.

Serviço:

Celebrações do Dia de São José Operário, padroeiro dos trabalhadores – 1º de maio

Local: Paróquia São José Operário (Rua Ruy Virmond Carnasciali, 486, Jardim Leonor)

7h30 – Santa Missa com bênção das carteiras de trabalho – dom Geremias Steinmetz

9h30 – Santa Missa com carreata e bênção dos carros- padre Dirceu Júnior dos Reis – Carreata e benção dos carros

19h00 – Santa Missa com bênção das carteiras de trabalho- padre Ademar Lorrenzzetti

Pascom

A grande festa dos 80 anos da Paróquia São José de Rolândia, celebrada nos dias 5, 6 e 7 de novembro, marcou o início das comemorações que seguirão pelos próximos 12 meses.

 

A comemoração foi possível graças à flexibilização das restrições impostas pelo Governo do Estado para o período de pandemia do novo coronavírus, que possibilita a realização de festas em local aberto com ate cinco mil pessoas.

 

Na sexta-feira (5), a missa campal às 19h abriu os festejos. Logo depois, o pároco padre Joel Medeiros convidou o prefeito e a esposa, Ailton Maistro e Ana Maria, e o casal coordenadores da comissão de festas da paróquia, Geraldo Silva e Valquíria Marin, para subirem ao palco acompanhar o show pirotécnico.

 

A noite foi animada com música em vários estilos por Fabiano Santos e Banda. Muitos casais não resistiram e aproveitaram para dançar.

 

As barracas de espetinho, pastel, cachorro-quente, sanduíche de pernil, crepes e bebidas ficaram lotadas. E as crianças puderam se divertir nos brinquedos infláveis montados na praça.

 

No sábado, o show ficou por conta dos Rolandenses, Rodrigo BB e João Anesi, que animaram o público, que cantou e dançou com os artistas.

 

No domingo, às 10h30, monsenhor José Agius presidiu a celebração dos 80 anos na igreja com muitos fiéis que o aplaudiram calorosamente ao final da celebração. Padre Zé, como é chamado carinhosamente pela comunidade, esteve como pároco da Paróquia São José por 49 anos e em sua homilia falou sobre a história da paróquia e da comunidade.

 

Logo após a celebração, o delicioso almoço alemão atraiu muitas famílias para a Praça da Matriz, e nem a chuva que caiu durante a tarde espantou os festeiros, que ficaram durante todo o dia curtindo com amigos. Além do prato típico germânico, as barracas também serviram as outras opções de alimentação.
A partir de dezembro, a revista paroquial São José trará, todos os meses, matérias especiais sobre a história da paróquia e outras atividades serão realizadas a fim de comemorar os 80 anos.

Flávia de Paula
Pascom paroquial

 

Fotos Flávia de Paula

 

 

Programação:

22/10 – Missa às 19h30 presidida pelo Pe. Vandemir Araujo (Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora);

23/10 – Missa às 19h30 presidida pelo Vigário Geral e Cura da Ctedral de Londrina, Pe. José Rafael Solano Durán;

24/10 – Missa às 9h com arcebispo dom Geremias Steinmetz.

Paróquia São João Paulo II – Decanato Norte
Rua Celeste Conto Moro, 131, Jd. Padovani

 

Todos os anos, a Paróquia Nossa Senhora Aparecida, de Primeiro de Maio, promove, próximo ao dia 12 de outubro, a festa da padroeira, homenageando a Mãe de Deus e nossa Mãe. Do dia 3 ao 11, a novena contou, a cada dia, com a presença de um sacerdote da arquidiocese, inclusive do arcebispo dom Geremias Steinmetz, que presidiu a Santa Missa no dia 6 de outubro.

 

O dia 12, dia da padroeira, começou logo cedo com missa e bênção das crianças, seguida de bênção dos carros e motos. À tarde a procissão de barco passou pelas águas da represa de Capivara, seguindo com a carreata até a Igreja matriz e finalizando com Santa Missa, modo drive thru.

 

Pascom Paróquia Nossa Senhora Aparecida – Primeiro de Maio

Fotos: Rovalda Hashiya e Eder Beliatto

A Paróquia São João Batista de Bela Vista do Paraíso convida para a festa do padroeiro, comemorado no próximo dia 24 de junho.

 

A programação do dia festivo começa com a Santa Missa às 9h transmitida pelo Facebook, e em seguida o Santo Terço ás 11h. A partir das 14h30 adoração e terço da misericórdia e missa às 17h e às 19h.

 

Tríduo

Em preparação para a festa, a paróquia também celebra o tríduo de São João Batista, nos dias 21, 22 e 23 às 19h. 

 

Estamos no Ano de São José e, por isso, torna-se ainda mais especial a comemoração do patrono universal da Igreja, que é também padroeiro do Seminário Propedêutico de nossa Arquidiocese de Londrina, localizado na cidade de Cambé.

 

Para celebrar com intensidade a solenidade do castíssimo Esposo da Virgem Maria, convidamos a todos o arquidiocesanos a participarem das Santas Missas do tríduo de 16 a 18 de março e da solenidade no dia 19 de março, às 19h, com transmissão ao vivo pelo Facebook da Paróquia São Francisco Xavier, Decanato Cambé: https://www.facebook.com/PSFXCAMBE/

 

Para ajudar nas despesas do seminário, a instituição promove também a venda de pães de queijo (vendidos com antecedência e retirados presencialmente no dia 20 de março). Pessoas de outras paróquias podem fazer a compra e pagamento via depósito bancário e enviar foto do comprovante pelo WhatsApp: (43) 98462-0911 (informações na imagem). A retirada será no salão paroquial da Paróquia São Francisco Xavier, de Cambé. 

 

O seminário também solicita doações de materiais de limpeza e higiene pessoal.

 

Contamos com a participação de todos!

 

Seminário Propedêutico

A Catedral Metropolitana de Londrina prepara uma vasta programação para a Festa do Padroeiro da arquidiocese e da cidade, comemorado na próxima sexta-feira, dia 19 de junho.

 

As atividades já terão início na quinta-feira, às 18h, com o Canto Solene das Vésperas da Solenidade do Sagrado Coração de Jesus e participação especial dos Arautos do Evangelho. Promete ser um momento de intensa reflexão, transmitida pelas redes sociais da Arquidiocese de Londrina, Catedral Metropolitana e Rádio Alvorada.

 

A programação de sexta-feira, Dia do Padroeiro, também está pra lá de especial. Às 9h, os internautas poderão acompanhar a inauguração e bênção da nova Cripta; em seguida, a Santa Missa Solene, presidida por Dom Geremias Steinmetz.

 

Após a Santa Missa, a comissão da Festa do Padroeiro organiza uma grande feijoada (que poderá ser retirada direto no estacionamento da Catedral com todas as medidas para atender as normas dos órgãos de saúde para a entrega das porções). “Sempre tivemos uma festa com barracas de quitutes, shows, brincadeiras infantis etc. No entanto, por conta da pandemia, cada um poderá comemorar o Padroeiro  adquirindo a feijoada para degustar dentro de casa com a família. Será uma forma diferente – mas igualmente intensa –  de celebrar a festa nas nossas Igrejas domésticas” – explica o Cura da Catedral, padre Rafael Solano Durán. “Mais uma vez, cada lar se torna uma pequena Catedral” – enfatizou.

 

Ainda na sexta, às 15h, um momento extraordinário de oração online com todo o Movimento do Apostolado da Oração, com exposição, adoração e benção Eucarística sobre nossa cidade de Londrina.

 

Vale lembrar que toda programação será transmitida online pela página do Facebook da Catedral  @catedrallondrinapr , pelo Facebook da Arquidiocese de Londrina @arqlondrina no Youtube através dos canais Catedral de Londrina e Arquidiocese de Londrina e também pela Rádio Alvorada FM 106,3

 

A Feijoada pode ser adquirida na Secretaria da Catedral ou online pelo site www.catedrallondrina.com.br  por R$ 40 (quarenta reais – acompanhado de torresmo e farofa). O valor arrecadado será destinado para as ações pastorais e sociais mantidas pela Catedral.

Mais informações para aquisição da Feijoada do Padroeiro pelos fones (43) 3324-5255 ou (43) 99992-5255

 

 

 

 

 

Cinco paróquias da Arquidiocese de Londrina celebram o padroeiro São José no próximo dia 19 de março, feriado municipal em Jaguapitã e Rolândia. Celebrações incluem missa e procissão em honra ao pai de Jesus

 

 

Um santo silencioso, do qual não se conhece uma única palavra é reconhecido como o padroeiro universal da Igreja. Descrito na Bíblia como o homem justo, São José foi escolhido por Deus para criar seu Filho Único, Jesus. Esposo e pai, guardou e sustentou a Sagrada Família de Nazaré com o fruto do seu trabalho. Por isso é também padroeiro das famílias e dos trabalhadores.

 

A devoção ao santo é grande. Das 85 paróquias presentes na Arquidiocese de Londrina, cinco são dedicadas a São José: distrito de Irerê, distrito de Paiquerê, Jaguapitã, Rolândia e Jardim Leonor em Londrina, esta última especificamente dedicada a São José Operário. Todas celebram o dia do padroeiro, 19 de março, seja com uma programação religiosa ou festiva. A Revista Comunidade foi até a paróquia de Jaguapitã e a de Rolândia para escutar sobre essa devoção.

 

Celebrações ao padroeiro na Paróquia São José de Rolãndia

Como São José é padroeiro das duas cidades, dia 19 é feriado municipal. Em Rolândia a festa começa no dia 10 de março com a novena às 19h30. A cada dia esta trata sobre um tema diferente a respeito de São José. No dia 19, a primeira missa é às 7h da manhã, a seguinte às 15h, e a procissão e missa às 19h.  A festa ainda continua nos dias 20, 21 e 22, com shows, praça de alimentação, porco no rolete, sorteios e o 7º Caminho de São José, uma pedalada a partir das 7h no domingo, dia 22.

 

“É interessante porque a festa é uma redescoberta de São José. As pessoas têm um carinho muito grande. A devoção a Nossa Senhora ainda ganha, é imbatível, a cidade tem devoção muito importante a Nossa Senhora Aparecida, em seguida Nossa Senhora de Fátima e terceiro São José”, explica o pároco padre Joel Ribeiro Medeiros.

 

Feriado

No ano passado as paróquias de Rolândia se uniram para defender que o feriado do padroeiro se mantivesse no dia 19. Uma lei aprovada na câmara previa que se o feriado caísse nos dias de semana de terça a sexta-feira seria transferido para a segunda-feira. Por pressão dos padres e de toda comunidade, a lei foi revogada.

 

 

Procissão e missa marcam a celebração em Jaguapitã

 

Em Jaguapitã, São José é comemorado em duas datas: 19 de março a celebração religiosa e 26 de abril, depois da quaresma, dia festivo, com almoço e leilão de gado. A programação religiosa engloba uma procissão com a imagem do santo pelas ruas da cidade às 9h e logo em seguida a Santa Missa. Nos dias que antecedem a festa, 16, 17 e 18, o tríduo ao padroeiro traz a cada dia um tema sobre o pai de Jesus.

 

“É uma honra ter São José como nosso padroeiro, pela sua importância. Ele é o padroeiro da Igreja, esposo de Nossa Senhora e pai de Jesus”, conta Maria Helena Rossetto, coordenadora paroquial da Liturgia.

 

A procissão às 9h tem grande adesão das pessoas, principalmente dos devotos, explica Maria Helena. “É uma devoção mais singela, não tão aparente porque São José é um santo que não aparece tanto, mas tem um papel importantíssimo no plano de salvação, ele colaborou com o plano de salvação. Quem é devoto sente essa presença dele no silêncio, na humildade. O exemplo dele tem muito a ensinar”, comenta.

Celebração a São José na paróquia de Jaguapitã

 

Juliana Mastelini Moyses
Pascom Arquidiocesana

Fotos: Juliana Mastelini Moyses

A celebração, presidida pelo arcebispo dom Geremias Steinmetz e concelebrada pelos padres da arquidiocese, deve reunir milhares de pessoas para comemorar os 85 anos da cidade, no próximo domingo, 8 de dezembro, às 10h30 na Catedral de Londrina. A Santa Missa deste domingo também comemora a Festa da Imaculada Conceição e o aniversário de Dedicação da Catedral.

Na ocasião, o arcebispo consagrará a arquidiocese ao Imaculado Coração de Maria. A celebração de Dedicação é o ato de oferecer e consagrar o templo como espaço sagrado para o culto a Deus. É motivo de festa porque lembra os fiéis que, junto com a consagração de um templo de pedra, todos são consagrados como pedras vivas da Igreja e templos do Espírito Santo.

Autoridades políticas e eclesiásticas do Estado já confirmaram presença na solenidade.