Nos dias 22, 23 e 24 de julho, foi realizada a formação permanente dos diáconos da Arquidiocese de Londrina, na Casa de Retiros Emaús. Participaram também os aspirantes ao diaconato da arquidiocese que estão concluindo a formação na Escola Santo Estevão e em outubro serão ordenados diáconos.

A formação foi dirigida pelo padre Cesar Braga, pároco da Paróquia Nossa Senhora do Carmo, Decanato Oeste, e tratou sobre o tema Sacramentos a partir do Código de Direito Canônico e outros documentos da Igreja, como Evagelii Gaudium e Amoris Laetitia.

O padre explicou que os diáconos precisam se dedicar a evangelizar a partir da história da salvação e o anúncio do querigma. Desta forma, as pessoas que buscam e querem receber os sacramentos, terão uma vida transformada pelas graças dispensadas pelos sacramentos.

Os sacramentos não são eventos sociais, destacou padre Cesar, que muitas vezes são buscados por um desejo dos pais dos noivos. Muito mais que receber o sacramento é vivê-lo no dia a dia o com nossas vidas, ou seja, ser testemunho vivo das graças dispensada por eles.

A questão do discernimento também foi trabalhada durante toda a formação, visto que hoje a Igreja busca escutar mais seus fiéis para que possa discernir melhor cada situação que chega às comunidades, levando, assim, as pessoas a conhecerem o amor salvador de Jesus.

Anderson Okada
Pascom Arquidiocesana

Fotos: Guto Honjo e Anderson Okada

No dia 21 de novembro foi realizado o encontro dos aspirantes ao diaconato permanente da Escola Diaconal Santo Estevão da Arquidiocese de Londrina, com o arcebispo dom Geremias Steinmetz e o padre Marcio França, no Centro de Espiritualidade Paulo VI. Este se fez necessário, com os devidos cuidados de isolamento, para finalização das formações deste ano de 2020, que estavam suspensas por conta da pandemia desde o mês de março.

 

Dom Geremias fez a abertura expondo a Carta Encíclica Fratelli Tutti do Papa Francisco, falando sobre os oito capítulos, nos quais o Pontífice destaca quais os pontos essenciais para que a fraternidade entre os povos possa, enfim, ser restaurada, segundo os valores do Santo Evangelho.

 

O padre Márcio França foi indicado por dom Geremias para acompanhar os diáconos permanentes e a Escola Diaconal. Ele se apresentou aos aspirantes e testemunhou sua caminhada de vida sacerdotal e o curso de doutorado em direito canônico na Itália até chegar à Diretoria da Escola Diaconal. Realizou a exposição das suas atribuições no acompanhamento dos aspirantes. Depois ele abriu a discussão sobre como os aspirantes estão se sentindo nesta caminhada formativa, pois no ano de 2021 encerram a parte de formação na Escola Diaconal.

 

O encontro foi encerrado com a celebração da Santa Missa presidida pelo padre Marcio. Com este encontro espera-se a volta da normalidade das formações no ano de 2021 e que a Escola Diaconal continue formando os futuros diáconos permanentes que servirão às comunidades paroquiais da Arquidiocese de Londrina.

 

Diácono Moacyr Doretto

Fotos: Anderson Okada e Amarildo Lopes

Seguindo as lives do arcebispo, dom Geremias Steinmetz conversa hoje com os diáconos Oswaldo Pechin, coordenador dos diáconos; Moacyr Doretto, coordenador da Escola Diaconal; e José Luís Bordini. O tema de hoje é: “Diáconos: homens consagrados que conciliam trabalho profissional, família e Igreja.”

Deixe sua pergunta ou comentário para ser partilhado na live.

Libras: Fernando Marquesini

 

Os diáconos da Arquidiocese de Londrina participaram no final de semana, dias 9 e 10 de junho, do retiro diaconal. O tema tratado foi a caridade, com o formador JulioBertinelli, diácono da Arquidiocese de Vitória, Espírito Santo. A missa de encerramento foi celebrada pelo padre Valdomiro Rodrigues da Silva.

“Foi uma experiência muito produtiva e profunda, com participações relevantes, mesas redondas e partilha de experiências. Contribuir muito em entendermos melhor o trabalho. Todos os participantes foram unânimes que a formação foi marcante”, explicou o diácono Osvaldo Pechim.

Juliana Mastelini Moyses
PASCOM Arquidiocesana

Foto: Facebook Diácono Moacir Cardoso