Destaque Rádio Alvorada Útimas Notícias

RÁDIO ALVORADA: em breve FM 106.3

“As Boas Novas Em Nova Frequência”. É com esta frase que a Rádio Alvorada, que completou 55 anos de fundação em 2019, anuncia novidades. A atual frequência AM 970 passará, em breve, para 106.3 FM.

 

A emissora sempre pertenceu à Arquidiocese de Londrina, porém, no decorrer da sua história, a sua administração foi confiada aos padres salesianos, a Canção Nova e desde o ano 2000 pela própria Arquidiocese. Sua sede e seus estúdios passaram pela rua Maringá (onde atualmente se encontra a Construtora A Yoshii), pelo grandioso edifício Julio Fuganti (até 2000), até a atual localização, na Rua Dom Bosco, ao lado do Centro de Pastoral Jesus Bom Pastor. Nas primeiras décadas, a programação da Rádio Alvorada foi bem diversa, chegando a ter uma grande e influente equipe jornalística e esportiva, além de entretenimento e religiosa. Nos últimos tempos, seguindo a tendência de segmentação na radiodifusão, a emissora focou na parte religiosa e espiritual, procurando ecoar a linha pastoral e o rosto da Igreja de Londrina. 

 

O tempo passa e a tecnologia bate à porta. Se na década de 1960, com as bênçãos de Dom Geraldo Fernandes, a Rádio Alvorada funcionava em ondas médias (5kw) e ondas tropicais (1kw), em 2019 a emissora contará com novos transmissores digitais que marcarão sua nova fase em nova frequência. O diretor da rádio, padre Romão Martins, classificou a migração como um “divisor de águas”. “Teremos uma melhor qualidade na transmissão do nosso bom conteúdo. O AM sofre muita interferência de outros sinais, como de TV e celular, esbarra em edificações, etc. Em algumas localidades, aqui mesmo de Londrina, a nossa rádio não é ouvida e é uma pena. Então, neste sentido, os nossos ouvintes perceberão uma qualidade substancial daquilo que é para o que passará a ser”.

 

Padre Romão completou dizendo que a migração será agregadora em diversos sentidos. “Aqueles ouvintes que são assíduos poderão interagir melhor com a rádio e divulgá-la para aqueles que não conseguiam sintonizar. Do ponto de vista comercial, necessitamos também de patrocinadores, e muitas empresas poderão ser parceiras na medida em que tenha uma excelente transmissão. Não teremos saudades do passado”.

 

Além disso, Romão também lembrou dos membros do Clube do Ouvinte, que tanto ajudam a emissora. “Tudo o que está acontecendo só está sendo possível com a colaboração de muita gente, como do Clube do Ouvinte, das paróquias e das pessoas que têm aparecido no nosso caminho, como anjos. Está sendo um trabalho árduo e exigente para nós que estamos administrando, mas a gente crê que a causa vale a pena e que tudo fará a diferença. Só temos a agradecer, sobretudo a Deus, que confiou a nós essa tarefa, em migrar nossa emissora para uma qualidade muito melhor. Muito em breve os ouvintes desfrutarão de uma nova Rádio Alvorada”.

Edson Neves
Rádio Alvorada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *