Você está aqui

dom-orlando

O arcebispo dom Orlando Brandes foi nomeado pelo papa Francisco para assumir a Arquidiocese de Aparecida, sede do Santuário Nacional, no Estado de São Paulo. A notícia foi transmitida nesta quarta feira de manhã, dia 16 de novembro, pelo próprio dom Orlando durante entrevista coletiva à imprensa no Centro de Pastoral. Com a nomeação, ele deixa de ser arcebispo de Londrina, automaticamente.

A posse de dom Orlando na nova Arquidiocese está marcada para o dia 21 de janeiro, um sábado de manhã. Até lá, ele permanece em Londrina, mas não como arcebispo e sim como administrador diocesano. Após a saída, em definitivo, a Arquidiocese de Londrina deverá ser assumida por um novo administrador até que o papa Francisco indique o substituto de dom Orlando, que será o quinto arcebispo de Londrina.

Ele explicou que a nomeação para outra Arquidiocese depende de uma série de consultas pela Nunciatura Apostólica, que a decisão cabe ao papa, mas atribuiu o fato a uma graça de Deus. “Essas coisas acontecem no plano divino. É Deus quem conduz a Igreja”, afirmou.

Na mesma entrevista, dom Orlando aproveitou para agradecer a todas as pessoas que trabalharam com ele nestes 10 anos e a todos os sacerdotes e leigos da Arquidiocese, pediu perdão por suas falhas e também pediu a oração dos fiéis para encarar a nova missão.

Dom Orlando disse que sua transferência para Aparecida não deverá interferir em grandes projetos em andamento na arquidiocese, como as Santas Missões Populares que mobilizam milhares de missionários em todas as paróquias.

Dom Orlando Brandes tomou posse como quarto arcebispo de Londrina em 2006. Os arcebispos anteriores foram dom Geraldo Fernandes, dom Geraldo Majella Agnelo e dom Albano Cavallin.

Dom Albano, aliás, que está passando por uma fase de recuperação da saúde, esteve no Centro de Pastoral e também conversou com os jornalistas.  Para ele, a nomeação de dom Orlando como arcebispo de Aparecida é o reconhecimento pelo trabalho que ele desenvolveu na Arquidiocese de Londrina. “É honra ao mérito”, resumiu. Dom Albano estava emocionado e qualificou dom Orlando como “um grande amigo”.

Eli Araújo
PASCOM Arquidiocesana

Foto Tiago Queiroz
PASCOM Arquidiocesana

PASCOM Arquidiocesana
Pastoral da Comunicação da Arquidiocese de Londrina

Artigos similares

Deixe uma resposta

Topo
Translate »